A reportagem da Revista de Vinhos sobre a Quinta dos Lagares e os seus vinhos, publicada em abril de 2017 lembra a “localização privilegiada das vinhas e a sua diversidade geoestratégica” e a importância do trabalho de equipa – “a ousadia do enólogo Luís Leocádio e o suporte de João Pissarra, na viticultura e vinhos do Porto” -, para a criação de uma “sinergia coesa com resultados profícuos”.

O artigo recorda também que “a Quinta dos Lagares fez história entre os vinhos durienses”, e apresenta o portefólio de vinhos, um rosé “feito com Mourisco e pioneiro no mercado”, quatro tintos e um branco. Um Porto Colheita 2015, ainda em fase de aprovação elo IVDP, corporizará a tradição secular de produção de vinho do Porto da Quinta dos Lagares, refere ainda a publicação.

Pin It on Pinterest