A Quinta dos Lagares é a primeira propriedade do Douro a obter a certificação FSC (Forest Stuart Cheap Council), organismo de prestígio mundial que certifica produtores florestais. “Com a certificação, temos uma forma de comprovar que possuímos uma floresta gerida de forma sustentável”, comenta o produtor, Pedro Lencart, lembrando que o coberto vegetal da Quinta dos Lagares abrange 50% da propriedade, valor muito pouco comum no Douro.

As áreas floreais ocorrem alternadamente com a vinha e com o olival, garantindo a diversidade paisagística, importantes funções de proteção da água e do solo e a manutenção da biodiversidade.

Ativamente geridos, nos 31 hectares de floresta encontram-se espécies de pendor mediterrânico, como o sobreiro e o carrasco, bem como espécies mais continentais como o castanheiro e o carvalho negral, passando pelo medronheiro e pelo zimbro.

Pin It on Pinterest